Sabrina, 21, Cwb - Brazil

(Fonte: rap-idealista)

jul. 23rd at 8PM / via: mundosemleis / op: rap-idealista / reblog / 2.144 notas

(Fonte: energizeamente)

jul. 21st at 8AM / via: flor-de-alma / op: energizeamente / reblog / 1.384 notas

(Fonte: expensivelife)

jul. 20th at 7PM / via: vllainy / op: expensivelife / reblog / 178.284 notas
jul. 20th at 7PM / via: degressivo / op: degressivo / reblog / 31 notas

“Hoje eu acordei sem vontade, sem saber como pintar o mundo de um jeito que me distraia mais. Sem saber o que querer, porque eu não quero nada além de ficar deitada no chão frio olhando pro teto, ouvindo o barulho da cidade inteira vivendo e eu: nada. Hoje eu não quero amar, hoje eu não quero atuar, hoje eu não quero conversar, e o mais importante, hoje eu não quero chorar. Hoje eu acordei e simplesmente não quis mais nada. É quase um alívio. Quase. Mas infelizmente não é um alívio completo. Essa mesma vida que me fez não querer nada, me obriga a levantar todos os dias e interagir com o mundo fingindo querer o que eu não quero mais.”

Ana Mercy.   (via velejo)

(Fonte: versiva)

jul. 20th at 6PM / via: velejo / op: versiva / reblog / 673 notas

(Fonte: recauque)

jul. 20th at 6PM / via: darreneliaz / op: recauque / reblog / 25.233 notas
jul. 20th at 6PM / via: poematizei / op: a-interrogada / reblog / 32.195 notas

(Fonte: nodularity)

jul. 19th at 10PM / via: innocence-inocencia / op: nodularity / reblog / 82.991 notas

“São as nossas escolhas, Harry, que definem quem realmente somos, muito mais que as nossas qualidades.”

Harry Potter e a Câmara Secreta (via trecho-de-livros)

“A humildade é o princípio da sabedoria.”

Provérbios 22:4   (via delator)

(Fonte: singelas)

jul. 19th at 9PM / via: versifica-r / op: singelas / reblog / 21.494 notas

(Fonte: gentle-insomnia)

jul. 19th at 5PM / via: allaxg / op: gentle-insomnia / reblog / 294.223 notas

“Não gosto de quem se faz de santa, de prestativa, de solícita, de legal. Não gosto de quem fala miando, se finge de sonsa, faz caras e bocas. Não gosto de gente artificial, que tem duas caras, dois jeitos, dois comportamentos. Sou a favor da transparência, de gente de verdade, sem retoques, sem artifícios. Tenho pavor de mulher fingida. Que se finge de morta, mas no fundo rebola o tempo todo, faz cara de atriz pornô pra ser notada e depois diz que ah-é-meu-jeito-sou-assim. Tenho pavor de mulher que se insinua o tempo inteiro e depois diz não-entendo-porque-todo-mundo-olha-pra-mim. Pavor.”

Clarissa Corrêa.  (via autorias)

(Fonte: clarissando)

jul. 19th at 5PM / via: autorias / op: clarissando / reblog / 11.068 notas